ULTIMAS NOTICIAS

Governo de Goiás destina 1.136 aparelhos de celular a estudantes da rede estadual e lança programa Sukatech

O governador Ronaldo Caiado formalizou, nesta quinta-feira (24/09), no Palácio das Esmeraldas, a destinação de 1.136 smartphones para a Secretaria de Estado da Educação (Seduc). O objetivo é atender a alunos da rede que não têm acesso à internet. A iniciativa foi possível graças à parceria estabelecida com a Secretaria Especial da Receita Federal em Goiás, por intermédio da Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Serviços (SIC), e a empresa Vector Mobile. No mesmo evento, Caiado lançou o Programa de Recondicionamento de Equipamentos Eletroeletrônicos (Sukatech), que viabilizará a recuperação de computadores e outros aparelhos para doá-los a escolas e organizações da sociedade civil.

“A revolução da educação realmente muda o perfil das pessoas. Elas passam a ser mais interativas e ajudam no social daquelas que não têm as mesmas condições”, afirmou Caiado durante a solenidade, ao lembrar Goiás primeiro lugar no Ideb. “É assim que se constrói o Estado, com honestidade, transparência e com zelo ao dinheiro público”, sentenciou, ao agradecer as parcerias firmadas com a iniciativa privada e com Receita Federal.

O Sukatech, que ficará sob a responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), tem o intuito de auxiliar na formação profissional de jovens na área de tecnologia da informação, além de apoiar o descarte responsável de materiais, periféricos e equipamentos de informática da administração pública. O Estado poderá, ainda, receber doações de organizações públicas e privadas. “Eu fico muito empolgado de ver um programa como esse”, disse o vice-governador Lincoln Tejota.

Já a doação dos smartphones para o Estado atende a um pedido realizado pela SIC à unidade da Receita em Goiás. O titular da pasta, Adonídio Neto, que também é auditor fiscal, agradeceu o apoio do órgão. “Além de combater o contrabando, ajudando as empresas, a indústria, comércio e serviços regulares, que compram no mercado nacional, que emitem notas, geram empregos e impostos, a Receita Federal, a partir de hoje, ajuda a educação básica do Estado”, disse ele.

Os aparelhos, que passarão a mudar a realidade de estudantes em situação de vulnerabilidade social, são fruto do trabalho de apreensão da Receita Federal no combate ao descaminho e ao contrabando. Em recursos, os celulares somam pouco mais de R$ 1,2 milhão.

COMPARTILHAR:

One thought on “Governo de Goiás destina 1.136 aparelhos de celular a estudantes da rede estadual e lança programa Sukatech”

  1. Olá boa noite tenho um celular mais não consigo acessar e baixar os trabalhos da escolas , por o celular não ser bom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: