ULTIMAS NOTICIAS

O DESTINO DA COOPERATIVA SENDO DECIDIDOS PELOS SÓCIOS

Cooperados de Morrinhos e de Filiais participaram, dia 29 de julho, no Parque de Exposições Sylvio de Melo, em Morrinhos, da Assembleia Geral Ordinária (AGO) que, simultaneamente, foi transmitida de forma virtual para os cooperados previamente inscritos nesta modalidade. Durante a Reunião de Trabalho, os cooperados aprovaram o balanço referente ao exercício de 2019. Também, durante o evento, os associados acataram proposta do Conselho de Administração de que 100% das sobras líquidas, no valor total de R$632.612,47 sejam destinadas aos cooperados, sendo 50% integralizado na conta capital e os outros 50% em crédito na conta cooperado, de acordo com a produção entregue no referido ano, valor que poderá ser sacado adquirindo produtos e serviços oferecidos pela Cooperativa. Quanto aos juros sobre o capital integralizado do cooperado, a proposta aprovada é de pagamento de 3% ao ano para o exercício de 2020, se a Cooperativa vier a apresentar sobras.
Foram aprovados também a Instituição de Fundo de Recursos para devolução de capital, com especificação da origem, que visa construir um colchão para melhor atender aos cooperados quando houver necessidade. Para isso, haverá normatização das regras para utilização deste Fundo com definição em AGE que será marcada posteriormente.
Também, durante a AGO foram eleitos os delegados que vão representar a Complem junto à Central Rede. Os escolhidos foram Leonardo Daniel de Souza, Ricardo Batista de Lima, José Rodrigues Vargas e José Augusto Moreira Lima.
MOVIMENTAÇÃO DO QUADRO SOCIAL DA COOPERATIVA – 55 associados ingressaram na Cooperativa no ano passado, enquanto outros 54 pediram demissão. A Cooperativa apresenta agora um total de 4.089 cooperados no final do exercício. Os pedidos de demissão, que este ano somam R$1.084.595,32 provocam o enfraquecimento do capital social e automaticamente do capital de giro da Cooperativa, daí o cuidado que o Conselho de Administração tem, todos os anos, em relação à forma de devolução do capital dos demissionários. E, de acordo com decisão da Assembleia, que apenas referendou decisões de AGO’s anteriores, os associados demissionários receberão seu capital num prazo de 10 anos, sempre dentro dos limites do Estatuto e da Lei. Esse prazo poderá sofrer alterações na hora do pagamento, caso o associado tenha integralizado seu capital num prazo menor que o aprovado para devolução pela Assembleia.
HONORÁRIOS – Durante a Assembleia Geral Ordinária, os associados decidiram pela manutenção dos honorários vigentes, tanto dos conselheiros executivos (presidente, diretor comercial e diretor de produção) quanto para os quatro conselheiros vogais e para os três conselheiros fiscais efetivos.
O presidente Sérgio Penido, em nome do Conselho de Administração, agradece a todos os associados, de Morrinhos e de cada uma das Filiais, que, mesmo neste momento de pandemia tomaram todos os cuidados e não mediram esforços para marcar presença na Assembleia do dia 29 de julho, tanto na forma presencial quanto digital. “É esse interesse dos sócios, a dedicação da equipe de colaboradores e essa vontade de fazer mais e melhor do Conselho de Administração que contribui para a história de sucesso da Complem. Afinal, são 42 anos de trabalho sério, transparência e confiança”, afirmou o presidente.
FONTE E TEXTO: COMPLEM

COMPARTILHAR:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: