ULTIMAS NOTICIAS

Saiba como comprar o tão sonhado imóvel em Goiânia mesmo ganhando pouco

Uma renda mensal mais baixa pode aparentar ser um impeditivo enorme para se ter o próprio imóvel. Porém, não é bem assim que acontece. Com algumas dicas em mãos e sabendo usar seus ganhos com o máximo de eficiência possível, existem formas de realizar o sonho da casa própria.
Venha descobrir passo a passo o que é necessário fazer para realizar esse feito mesmo ganhando pouco!

É mesmo possível comprar um imóvel ganhando pouco?

Sim, quem olha de cara pode até achar que adquirir um bem tão caro quanto um imóvel não é factível para quem ganha pouco. Mas apesar de parecer algo muito distante da realidade de muitas pessoas que tem uma renda mais baixa, essa possibilidade é muito mais real do que pensam.
Basta seguir alguns passos menos complicados do que se imagina e ter uma visão a longo prazo que a casa própria deixa de ser apenas um sonho. Saiba como ter o lar que você sempre quis mesmo sem ter um salário tão alto assim.

Planejamento financeiro

Você mal pode esperar para ter a sua própria unidade naquele condomínio bacana, mas acha que um salário baixo te impede de fazer isso. Então o primeiro passo é fazer um bom balanço financeiro para se planejar e poder realizar tudo aquilo que sempre quis.
Faça uma lista das suas entradas e saídas financeiras. Coloque no papel todas as suas despesas mensais e qualquer tipo de ganho que tiver. A partir disso, é possível visualizar um pouco mais a longo prazo o que dá para fazer para aumentar a eficiência da sua economia doméstica.

Corte de gastos

Chegou a hora de executar o plano. Sendo assim, nada melhor do que começar a partir dos gastos mais supérfluos que você encontrou na sua lista de despesas. Evite pagar boa parte do seu salário em coisas como TV à cabo, delivery de comida, baladas e compras por impulso.
Por mais que o valor de cada uma dessas coisas pareça pouco, a longo prazo eles se acumulam e fazem uma boa diferença nas suas economias. Ou seja, o sacrifício vale a pena.

Quitar dívidas

Entrar em um financiamento é um investimento significativo por si só. Sendo assim, apenas isso já seria um bom motivo para não ter outras despesas fixas mensais em parcelas por aí. Mas vai além disso!
É impossível ter a liberação do crédito imobiliário para quem tem o nome sujo em serviços de proteção ao crédito (SPC ou Serasa). Sendo assim, parte do seu planejamento precisa ser quitar qualquer dívida desse tipo. Termine também com todos os seus outros pagamentos parcelados e tente deixar o cartão de crédito de lado para alcançar o sonho do próprio imóvel.

Investimento mensal

Falamos bastante de saídas até aqui, mas um ponto crucial da compra do seu primeiro imóvel é ter a capacidade de economizar. Lembre-se que praticamente todo financiamento exige pelo menos 20% do valor da propriedade como entrada. Portanto, é necessário ter um montante guardado para isso.

A melhor forma de guardar dinheiro é fazer a economia direto na fonte. Então não deixe para o final do mês, já separe uma porcentagem do seu salário assim que receber para investir no seu futuro. Outra coisa bem importante é fazer o dinheiro guardado render de alguma forma, pode ser até mesmo em uma caderneta de poupança.

Financiamento

Existem vários incentivos governamentais para a compra de imóveis. Se informar sobre as condições do Minha Casa, Minha Vida é uma excelente forma de começar. Mas além do famoso programa, existem outras possibilidades de financiamento bastante positivas.

Um pouco mais que o aluguel

Quem já vive de aluguel e conseguiu juntar as economias necessárias para a entrada em um apartamento em Goiânia vai acabar percebendo uma coisa. Quando chega a hora de pagar as parcelas do financiamento, o valor não é muito diferente da soma de preço da mensalidade de aluguel com as taxas de condomínio. Geralmente o valor pode até ser um pouco maior, mas com certeza vale bastante a pena!

Gostou de saber que é possível comprar o seu próprio imóvel mesmo sem ganhar muito? Quer que mais pessoas também descubram isso? Então compartilhe esse texto em suas redes sociais!

COMPARTILHAR:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: