Spread the love

Durante a apreciação do projeto nº 6711/21, oriundo da Governadoria que cria a Delegacia de Atos Infracionais de Caldas Novas, recebeu parecer favorável do relator deputado Maycllyn Carreiro (PRTB), mas teve a votação prejudicada por pedidos de vista dos deputados Humberto Teófilo (PSL), Eduardo Prado (DC), Karlos Cabral (PDT), Helio de Sousa (PSDB) e Major Araújo (PSL).

O deputado Humberto Teófilo criticou a criação da delegacia sem policiais. “Vamos criar a delegacia, mas não temos policiais para trabalhar. O governador precisa fazer concurso da polícia”, comentou. O deputado Delegado Eduardo Prado também cobrou posicionamento do Governo em relação à criação de concurso público para melhorar o efetivo das forças policiais goianas.

Em resposta ao Delegado Humberto Teófilo, o deputado Maycllyn defendeu o governador. “Temos que reconhecer que quem convocou os policiais aprovados e elevou salários, transformou a segurança pública de Goiás e conquistou a confiança das forças policiais foi o governador Ronaldo Caiado”, defendeu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!