Spread the love

Plataforma que oferece serviços digitais ao cidadão goiano, o Expresso obteve reconhecimento nacional no último sábado (16). O Prêmio CIO Destaque Setor Público 2021, na categoria Administração Direta, iniciativa da 4Network | IT4CIO, foi entregue ao subsecretário de Tecnologia da Informação da Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), Rodrigo Michel de Moraes, em Foz do Iguaçu (PR).

“O Expresso representa o perfil de nosso governo, a digitalização, o menor tempo de ação e a melhora da qualidade de vida das pessoas” afirma o governador Ronaldo Caiado. “Isso é reflexo de uma gestão voltada para o desenvolvimento econômico e social da nossa gente”, emenda.

Secretário de Desenvolvimento e Inovação, Marcio Cesar Pereira creditou o resultado ao trabalho de todo o time de TI do Estado “O projeto vencedor mostra o compromisso do Governo de Goiás com a transformação digital. Foi necessário utilizar toda a tecnologia de ponta, como big data, inteligência artificial e mineração de dados integrados ao sistema Expresso, para vencermos o prêmio”, afirma.

O Prêmio CIO Destaque é realizado desde 2007 pela 4Network, empresa de Curitiba (PR), especializada no relacionamento entre pessoas, especialmente da área de tecnologia da informação. É considerada uma das mais importantes empresas de network da América Latina.

O secretário-geral de Governo, Adriano da Rocha Lima, parabenizou o subsecretário Rodrigo Michel, e em seu nome, toda a equipe de Tecnologia da Informação que atuou conjuntamente para tornar a plataforma Expresso uma realidade.

“Esse prêmio está muito relacionado a todos os avanços possibilitados recentemente nos serviços oferecidos pelo Estado ao cidadão, como o Expresso, que tem 95 serviços digitalizados. Tais ações, neste sentido, permitiram ao Estado de Goiás melhorar sua posição no ranking de competitividade nacional divulgado recentemente, tendo como um dos pilares de destaque a inovação. Com isso, todas essas ações de modernização, analisadas em conjunto, vêm reforçar e reconhecer o esforço de toda equipe de TI e Inovação do Estado de Goiás”, declara Rocha Lima.

Fases

A premiação no Setor Público, em 2021, foi realizada em duas fases. No início do ano, executivos de TI ligados a órgãos governamentais inscreveram seus projetos. Em votação no site, foram escolhidos cinco finalistas.

No dia 16 de outubro, durante encontro em Foz do Iguaçu (PR), os cinco finalistas apresentaram seus projetos. Os participantes, em votação livre, escolheram o vencedor. Aproximadamente 200 executivos votaram nos projetos que se destacam pela liderança e inovação. “É um reconhecimento da comunidade de TI de todo o Brasil”, destaca o subsecretário de TI Rodrigo Michel de Moraes.

A plataforma Expresso tem coordenação da Secretaria-Geral da Governadoria (SGG), e foi desenvolvida por meio de ação conjunta e integrada entre as Secretarias da Administração (Sead) e Desenvolvimento e Inovação (Sedi), em parceria com a Casa Civil.

Hoje, são 95 serviços digitais na plataforma web. A meta é duplicar este número nos próximos seis meses. O acesso ao Expresso está disponível por meio de aplicativos, pelo site www.expresso.go.gov.br e em terminais de autoatendimento em unidades do Vapt-Goiás.

Integração

A premiação conquistada pelo Expresso não é um movimento isolado dentro do Estado. A administração pública goiana passa por uma grande transformação digital. Este ano, Goiás subiu três posições no ranking de digitalização dos serviços públicos, medido pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (Abep-Tic), e ocupa o sétimo lugar em 2021. O Estado obteve 72,75 pontos (0 a 100) e foi classificado pela entidade como “muito bom”.

Outra pesquisa que mostra o avanço de Goiás foi divulgada no final de setembro. Segundo o Ranking de Competitividade dos Estados, realizado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), Goiás subiu cinco posições no quesito Inovação – de 20º para 15º. O número ajudou o Estado a ocupar a 10ª posição no Ranking de Competitividade.

“Não existe movimento ou ação isolada dentro da TI do Estado. Estamos desenvolvendo serviços que tenham relevância para o cidadão goiano. Temos um norte alinhado à estratégia, que é produzir ganhos para a população. A tecnologia salvou vidas durante a pandemia. Quando a pessoa consegue resolver, de casa, seus problemas junto ao Estado, a TI deixa de ser meio e passa a ser fim”, explica o subsecretário Rodrigo Michel de Moraes.

Foto e Texto: Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi) – Governo de Goiás​

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!